domingo, 26 de abril de 2015

Que tal adotar o chá de folhas de amora em sua dieta? Saúde Natural

Incrível como a Natureza é vigorosa e vibrante em sua oferta de saúde.
Estava a curtir as postagens do Facebook.
De repente um amigo postou essa maravilhosa mensagem e, sinceramente, me senti na obrigação de deixar aqui registrado, dada a importância e principalmente a simplicidade da aplicação.

Pode parecer um milagre.
Mas é apenas a constatação de que estamos muito bem servidos pela Mãe Natureza.
O assunto é saudável e recomendo, pois pretendo adotar também.

Leiam e adotem.... depois comente aqui, para a troca de sensações e coleta dos fatos, ok?

Opinião: 

O Milagre do Chá de Folhas de 

Amoras
Em um fórum localizado no site Notícias Naturais, encontramos um relato muito interessante sobre os benefícios do chá da folha de amora, escrito por uma usuária de codinome Aspirina.
Pesquisamos na net a veracidade dos fatos e resolvemos replicar este texto em nossa fan page.
Relato pessoal:
- Demorei para fazer essa postagem porque queria primeiramente me certificar de que minha melhora se deu mesmo por conta da inclusão desse chá no meu dia-a-dia. 
Agora, depois de três semanas tomando-o à toda hora (gelado), posso afirmar, sem nenhuma dúvida, de que ele realmente tem as propriedades que os japoneses relataram em seus estudos.
Eu estava atravessando um período de desânimo absoluto, faltava vontade para executar tarefas mínimas, e o pior era não ter mais aquela sensação natural de expectativa positiva, aquela esperança que brota em nosso íntimo quando temos um bom projeto e queremos colocá-lo em execução. 
Estava tão mal que, mesmo os meus projetos tendo sucesso e sendo elogiados, mesmo tudo dando certo e com a obtenção dos resultados, eu ainda estava mergulhada naquela falta de alegria, numa apatia tão grande que sequer conseguia desfrutar de minhas próprias realizações. 
A vida tinha se tornado um diário tanto faz. 
Então, desmotivada e sem esperar por melhoria, eu fui pesquisar na internet sobre esses sintomas, e me deparei com um link que afirmava que a folha de amora possuía 22 vezes mais cálcio que o leite. 
Duvidei. 
Mas me interessei por dois motivos:
um porque detesto leite, preciso de cálcio e não confio em cápsulas (tive péssima experiência com esses complexos vitamínicos caros, que chegaram a me causar paralisia temporária num dos braços), 
e segundo porque possuo um pé de amoras no quintal. 

Porque não experimentar?

Fui até o quintal e peguei logo dez folhas, lavei, mergulhei na maior panela que tenho em casa, que cabe uns cinco litros de água, deixei ferver e esfriar, coloquei num jarro e deixei gelar, pois não gosto de bebidas quentes. 
Adocei e tomei. 
Logo de cara me surpreendi como o gosto e cheiro, que era muito bom, apesar de que, durante a fervura, ter exalado um cheiro de peixe, do tipo sardinhas, que empestou a casa e havia me deixado bem receosa do seu gosto.

Logo no primeiro dia me senti bem, no fim da tarde estava estranhamente disposta, e ao olhar a paisagem, achei que o dia estava lindo. 

Isso pode parecer um comentário exagerado, e com intenção de fazer graça, mas não é; eu literalmente não achava mais a beleza na paisagem, olhava para o mar, para as montanhas e, embora sabendo de sua beleza, sabia que havia perdido a capacidade de me deleitar com ela. 
Será que foi o chá?
À noite, outra surpresa; eu dormi. 
Literalmente apaguei sem o auxílio da TV, que sempre deixava ligada para me enfastiar e fazer adormecer. 
Eu dormi! 
E aí já acordei procurando pelo chá.
Faz três semanas hoje. 
Voltei a correr, a ir à praia, e o mais importante, recuperei aquela expectativa interna de que tudo posso modificar. 
Eu me reencontrei comigo mesma. 
Sério!
Posso afirmar sem medo que vocês sentirão algum efeito também. 
Talvez mais, talvez menos, mas certamente sentirão, porque isso ocorreu com mais pessoas da minha família, e todos estamos viciados no chá agora. Experimentem! 
E de preferência, plantem uma amoreira, mesmo que seja num vaso, ao invés de comprarem cápsulas.
A eficácia testada e aprovada do Chá de Amora se deu primeiramente pelo Ministério da Saúde do Japão, vindo a ser divulgado pelo Canal de Tv Japonesa NHK, após analisadas as amostras das folhas da Amora Miura.

Pôde-se se comprovar através de estudos que realmente ele tem

efeitos poderosos para controle e prevenção sobre:

DIABETES: 
Possui a DNJ, Inibidora da Taxa de Glicose com a liberação Natural de insulina

RINS E FÍGADO: 
Melhora do funcionamento do Fígado e dos Rins, inibindo o acúmulo de gordura e colesterol nestes orgãos

OSTEOPOROSE: 
Ele Possui 22 vezes mais cálcio que o leite, além de conter mais potássio, magnésio e ferro natural, proteína, fibra, zinco e levedura

OBESIDADE: 
Inibi o acúmulo de gordura no corpo e aumenta o volume de gordura eliminada, inibindo principalmente o acúmulo de gordura nas vísceras, e evitando assim a obesidade

CIRCULAÇÃO SANGUÍNEA: 
Por meio de melhoria das taxas de colesterol e gorduras neutras no sangue

HIPERTENSÃO: 
Efeito de normalização e de inibição de elevação arterial, por possuir o ácido y-aminobutírico (GABA) um hipotensor

REGULADOR HORMONAL (MENOPAUSA): 
Regula os hormônios atuando com eficácia nos sintomas da menopausa

IMUNIZAÇÃO AO CÂNCER: 
Segundo estudos e experiências as folhas da Amora tem propriedades que inibem o aparecimento/surgimento do Câncer

REGULADOR DOS INTESTINOS: 
Por possuir grande quantidade de fibras alimentares, e outras propriedades facilitando o trânsito intestinal e melhora da prisão de ventre. 
Ainda diminui os bacilos nocivos sem afetar o benéficos, mantendo a flora intestinal em boas condições

EFEITO BACTERICIDA: 
Estudos revelam que o Chá de Amora tem efeito de inibir a proliferação de fungos, bem como efeitos bactericida/antiinflamatórios

CALVÍCIE: 
Além das propriedades apresentadas acima o Chá de Amora, auxilia o tratamento e prevenção à Calvície, revitalizando a circulação no couro cabeludo, rejuvenescendo os fios, inibindo progressivamente a queda dos cabelos.

Aqui a tradução juramentada da pesquisa realizada no Japão:

Assim, vamos nos "embriagar" de chá de amora, syn! ... tin-tin e saúde ae!!!

sábado, 20 de setembro de 2014

Mergulhe no seu "Eu Felino" e amplie sua essência

O texto que segue foi colhido em um post no Facebook.
Sempre admirei os felinos, por sua incrível capacidade interior.
Espero que aprecie.
Me trouxe à memória o filme "A Marca da Pantera", de 1982, que vale assistir.
Sugiro que leia e busque reler e trabalhar suas sensações e associações interiores.
E que possa, com isso, ampliar seu "Ser Consciência".
E encontrar-se com sua maior essência, hoje e sempre, syn!

O Gato e a Espiritualidade

Quem não se relaciona bem com o próprio inconsciente não topa o gato. 
Ele aparece, então, como ameaça, porque representa essa relação precária do ser humano com o (próprio) mistério. 
O gato não se relaciona com a aparência do ser humano.
Ele vê além, por dentro e pelo avesso. 
Relaciona-se com a essência. 
Se o gesto de carinho é medroso ou substitui inaceitáveis (mas existentes) impulsos secretos de agressão, o gato sabe. E se defende do afago. 
A relação dele é com o que está oculto, guardado e nem nós queremos, sabemos ou podemos ver. 
Por isso, quando surge nele um ato de entrega, de subida no colo ou manifestação de afeto, é algo muito verdadeiro, que não pode ser desdenhado. É um gesto de confiança que honra quem o recebe, pois significa um julgamento. 
O ser humano não sabe ver o gato, mas o gato sabe ver o ser humano. 
Se há desarmonia real ou latente, o gato sente. 
Se há solidão, ele sabe e atenua como pode, ele que enfrenta a própria solidão de maneira muito mais valente que nós. 
Nada diz, não reclama. Afasta-se. 
Quem não o sabe "ler" pensa que "ele" não está ali. 
Presente ou ausente, ele ensina e manifesta algo. 
Perto ou longe, olhando ou fingindo não ver, ele está comunicando códigos que nem sempre (ou quase nunca) sabemos traduzir. 
O gato vê mais e vê dentro e além de nós. 
Relaciona-se com fluídos, auras, fantasmas amigos e opressores. 
O gato é médium, bruxo, alquimista e parapsicólogo. 
É uma chance de meditação permanente a nosso lado, a ensinar paciência, atenção, silêncio e mistério. 
O gato é um monge silencioso, meditativo e sábio monge, a nos devolver as perguntas medrosas esperando que encontremos o caminho na sua busca, em vez de o querer preparado, já conhecido e trilhado. 
O gato sempre responde com uma nova questão, remetendo-nos à pesquisa permanente do real, à busca incessante, à certeza de que cada segundo contém a possibilidade de criatividade e de novas inter-relações, infinitas, entre as coisas. 
O gato é uma lição diária de afeto verdadeiro e fiel. Suas manifestações são íntimas e profundas. Exigem recolhimento, entrega, atenção. 
Desatentos não agradam os gatos. Orgulhosos os irritam. 
Tudo o que precise de promoção ou explicação quer afirmação. 
Vive do verdadeiro e não se ilude com aparências. 
Essa é a Bolacha, a gata da minha amada
Ninguém em toda natureza aprendeu a bastar-se (até na higiene) a si mesmo como o gato! 
Lição de sono e de musculação, o gato nos ensina todas as posições de respiração ioga. Ensina a dormir com entrega total e diluição recuperante no Cosmos. Ensina a espreguiçar-se com a massagem mais completa em todos os músculos, preparando-os para a ação imediata. 
Se os preparadores físicos aprendessem o aquecimento do gato, os jogadores reservas não levariam tanto tempo (quase 15 minutos) se aquecendo para entrar em campo. 
O gato sai do sono para o máximo de ação, tensão e elasticidade num segundo. Conhece o desempenho preciso e milimétrico de cada parte do seu corpo, a qual ama e preserva como a um templo. 
Lição de saúde sexual e sensualidade. 
Lição de envolvimento amoroso com dedicação integral de vários dias. 
Lição de organização familiar e de definição de espaço próprio e território pessoal. 
Lição de anatomia, equilíbrio, desempenho muscular. 
Lição de salto. 
Lição de silêncio. 
Lição de descanso. 
Lição de introversão. 
Lição de contato com o mistério, com o escuro, com a sombra. 
Lição de religiosidade sem ícones. 
Lição de alimentação e requinte. 
Lição de bom gosto e senso de oportunidade. 
Lição de vida, enfim, a mais completa, diária, silenciosa, educada, sem cobranças, sem veemências, sem exigências. 
O gato é uma chance de interiorização e sabedoria, posta pelo mistério à disposição do ser humano. 
O gato é um animal que tem muito quartzo na glândula pineal, é portanto um transmutador de energia e um animal útil para cura, pois capta a energia ruim do ambiente e transforma em energia boa. 
Normalmente onde o gato deita com frequência, significa que não tem boa energia.
Caso o animal comece a deitar em alguma parte de nosso corpo de forma insistente, é sinal de que aquele órgão ou membro está doente ou prestes a adoecer, pois o bicho já percebeu a energia ruim no referido órgão e então ele escolhe deitar nesta parte do corpo para limpar a energia ruim que tem ali.
http://galleryhip.com/ancient-egyptian-god-bastet.html
Observe que do mesmo jeito que o gato deita em determinado lugar, ele sai de repente, poi ele sente que já limpou a energia do local e não precisa mais dele. O amor do gato pelo dono é de desapego, pois enquanto precisa ele está por perto, quando não, ele se a afasta. 
No Egito dos faraós, o gato era adorado na figura da deusa Bastet, representada comumente com corpo de mulher e cabeça de gata. 
Esta bela deusa era o símbolo da luz, do calor e da energia. 
Era também o símbolo da lua, e acreditava-se que tinha o poder de fertilizar a terra e os homens, curar doenças e conduzir as almas dos mortos. 
Nesta época, os gatos eram considerados guardiões do outro mundo, e eram comuns em muitos amuletos. 
"O gato imortal existe, em algum mundo intermediário entre a vida e a morte, observando e esperando, passivo até o momento em que o espírito humano se torna livre. Então, e somente então, ele irá liderar a alma até seu repouso final." 

Fonte: 
The Mythology Of Cats, Gerald & Loretta Hausman

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Mente e Coração, qual vêm em primeiro? Dúvidas e Experimentos

Minha jornada nessa nossa dimensão 3D (que Seres Superiores já nos informam estar em mudança para 5D) caminha dentro das limitações impostas pelas condições físicas e biológicas, que acredito você também sente.
E nas buscas de se conhecer, mergulhando em nossa Sombra, encontro na grande maioria das fontes que já tive contato, uma interessante relação.
Essa relação indica sempre que existe uma conexão entre Mente e Coração.
E que, o início, o start, o insight, se inicia na Mente.
E depois segue ao Coração.
E assim, poderá então expandir e gerar ações e reações em nossa Vida.
Como um aprendiz, trabalhava com essa orientação.
Porém faz cerca de um ou no máximo dois anos, e já estando nessa prática por mais de 15 anos, parei.
É... parei!
Parei e comecei a pensar se não estaria esse caminho Mente Coração, por acaso invertido.
Será que o caminho é o inverso?
Começa no Coração e vai para a Mente?
Com essa ideia, passei a rever o que até então adotava como base.
E, ainda hoje, isso continua a vibrar.
Uma das razões que me fez parar e rever foi a necessidade de melhor compreender-me como parte integrante do Ser Universo.
E entender porque ainda não consegui atingir alguns alvos básicos.
Por exemplo, uma forma de garantir trabalho e renda.
Amo o que faço.
Mas, até agora, isso não me garante uma renda suficiente.
Ainda outro dia acordei e a mensagem que me chegou foi:
"Por que você ainda não ganha dinheiro suficiente?"
Acordei e desde então venho me observando melhor, para identificar o que está a causar essa dificuldade.
Hipóteses surgem...
Será que veio das Vidas passadas que trouxe comigo e desconheço, mas estão presentes?
Será que são frutos herdados de uma ascendência genética?
Será porque ainda não me libertei por querer Ser e fazer diferente dos demais?
Será que mentalizo e visualizo um futuro, mas não consigo atuar para sua realização?
Será que sou tão orgulhoso que não me considero como os demais?
Ou será que é porque persisto em alguma forma de atuar que preciso me libertar, me desafazer, e deletar essa intenção tão profunda?
Confesso que ainda estou a trabalhar com tudo isso, dentro de mim.
Eis que recebo um email de um familiar e que me fez parar e repensar nisso.
O que tenho recebido de informações sempre me indica que o caminho se inicia na Mente e depois vai ao Coração.
E, com surpresa, o artigo, que segue logo abaixo, me indica que, talvez, seja realmente necessário inverter essa conexão.
Como já estou a vivenciar.
Vamos ao artigo e depois comento o que me ocorre aqui e agora.


"Estrutura do coração é similar à do cérebro, afirmam especialistas"
A ciência moderna tem comprovado o que os antigos acreditavam sobre o coração: 
o coração é o centro de uma sabedoria superior. 
Ele pode realmente se lembrar de coisas e pode funcionar de forma muito parecida com o cérebro.
A estrutura do coração é similar à do cérebro: 
ele tem uma intrincada rede de neurônios, neurotransmissores, proteínas e células de suporte.
“Há um cérebro no coração, metaforicamente falando”.
A informação é do Dr. Rollin McCraty do Instituto HeartMath, uma organização sem fins lucrativos que oferece tratamentos com base na conexão entre o coração e o cérebro. 
“O coração contém neurônios e gânglios que têm a mesma função que as do cérebro, tais como a memória. 
É um fato anatômico”, disse ele.
http://www.heartmath.org/
“O que as pessoas não sabem é que o coração envia mais informações ao cérebro do que o cérebro envia ao coração”, McCraty acrescentou.
O Dr. J. Andrew Armour, que cunhou o termo “cérebro coração”, em 1991, também chamou o coração de “pequeno cérebro”.
De acordo com a Escola de Medicina de Harvard, conversações ‘químicas’ entre o coração e o cérebro afetam ambos os órgãos. 
Depressão, estresse, solidão, uma perspectiva positiva e outros fatores psicossociais influenciam o coração. 
A saúde do coração também pode afetar o cérebro e a mente.
Pesquisadores descobriram, através da neuro-cardiologia (estudo da conexão entre o cérebro e o coração), que as emoções negativas colocam os ritmos do coração em padrões de ondas cerebrais fora de sincronia.
Respostas de estresse, por exemplo, provocam danos no corpo, contribuindo para hipertensão arterial, desenvolvimento de placas que entopem as artérias, e para mudanças cerebrais que podem contribuir para a ansiedade e depressão, de acordo com a Escola de Medicina de Harvard.
Por outro lado, quando uma pessoa experimenta emoções positivas, os ritmos cardíacos e os padrões de ondas cerebrais são mais harmoniosos e coerentes.
Coração como um centro emocional
O coração, como um órgão, está ligado ao conceito de ter o coração como um centro emocional. 
O coração envia mensagens através de caminhos físicos para o cérebro, que são então interpretadas como emoção.
McCraty explicou:
“O batimento do coração é similar a um código Morse, com essas mensagens refletindo seu estado emocional”.
McCraty trabalhou como psico-fisiologista por quase 30 anos. 
Uma das técnicas que ele trabalha através do Instituto HeartMath é a “respiração focada no coração”.
Ao respirar profundamente, o paciente dirige a atenção para o coração, o que “muda a fisiologia e facilita as mudanças nos ritmos do corpo”, disse McCraty.
O padrão de ondas do cérebro e do coração foram medidas para observar os efeitos desta técnica, mostrando uma grande coerência.

Sinceramente, você vai concordar comigo que isso é incrível, não é mesmo?
Mostra que a fonte é o Coração.
E que o Coração gera e realiza mais conexões e sinergia com a Mente, do que o oposto.
Então, o momento é de se inverter o caminho interior:
Partir do Coração para a Mente.
Pois ele, Coração, é que rege todo os demais órgãos desse nosso Ser 3D.
E com uma poderosa característica: ele é muito mais um Emissor que um Receptor. 
Portanto, um Canal de Energia Criativa Inteligente em permanente pulsar.
E mais interessante ainda:
Respirar profundamente atinge o Coração.
E assim, busque respirar profundamente.
Mas não enchendo seus pulmões, como imagina ser o correto e syn!
E syn!
Enchendo seu abdomen.
Realize a respiração abdominal profunda.
Veja a figura abaixo, para se orientar e colocar em prática desde já!!
RESPIRAÇÃO ABDOMINAL PROFUNDA
Fontes:
Artigo: CIÊNCIA E TECNOLOGIA Descobertas Estrutura do coração é similar à do cérebro, afirmam especialistas Por Henry Jom, Epoch Times 17.04.2014 às 15:25
Vídeo: YouTube _ canal HeartMathInstitute _ Mysteries of the heart
Imagem: Livro Reflexologia Sexual - o TAO do amor e do sexo - Mantak Chia e W. U. Wei - Editora Cultrix

sábado, 9 de agosto de 2014

17 dicas ótimas para sua saúde e harmonia _ Acupuntura Natural

Se você acredita, como eu, que somos energia, isso vai lhe interessar.
http://bit.ly/1mxp6PA
São simples e verdades conhecidas há milênios.
E que servem de apoio para sua jornada pessoal, aqui em Gaia.

FATOS DO NOSSO CORPO
(algo que precisamos saber):

1. Quando você sente sua garganta arranhada, arranhe seu ouvido: 
Pressionando os nervos do ouvido, ocorre um reflexo imediato na garganta que produz espasmos e alivia o desconforto.

2. Para entender melhor o que outros falam, ouça apenas com um lado das orelhas: 
Se você está em um clube, bar ou festa e não ouvir o que os outros dizem para você, vire a cabeça e use apenas a orelha direita, uma vez que distingue melhor as conversações, enquanto a esquerda identifica o melhores músicas que soam baixo.

3. Para segurar a vontade de fazer xixi, pense em sexo: 
Quando não resistir à vontade de urinar e não tiver um banheiro por perto, pense em sexo. Isso entretém o seu cérebro e reduz o estresse.

4. Tossir para reduzir a dor
Um grupo de cientistas alemães descobriu que ao forçarem a tosse em um paciente com dores, a um aumento da pressão no peito e na coluna, que inibe os condutores de dor vertebral.

5. Se você está com o nariz entupido
Pressione seu palato superior e o nariz. Toque no palato duro com sua língua e, com o dedo, prenda o nariz no local da junção das sobrancelhas. Isso permite que as secreções se movam e você pode respirar melhor.

6. Quando você está com azia, durma voltado para seu lado esquerdo: 
Isto cria um ângulo entre o estômago e o esôfago, de modo que o ácido não pode passar da garganta.

7. Quando estiver com dor de dente esfregue um cubo de gelo em sua mão: 
Você deve passar o gelo na área, em um "v", que está localizada entre o polegar e o indicador indo até a palma da mão. Isso reduz em 50% a dor, visto que este setor energético está ligado aos receptores da dor do rosto.

8. Em pequenas queimaduras, pressione o local ferido com um dedo: 
Após a limpeza da área afetada, faça uma pressão com o dedo sobre a queimadura, assim o local ferido retorna para a temperatura inicial e evita bolhas.
http://bit.ly/1uzJAwb

9. Quando você está bêbado
Coloque suas mãos sobre uma mesa ou superfície estável. Ao fazer isso, seu cérebro vai recuperar o sentido do equilíbrio e evitar que tudo continue a girar em torno de você.

10. Se estiver correndo e sentir dor no fígado, respire quando seu pé esquerdo estiver fora do chão: 
Isso vai evitar a sensação de dor no fígado, porque se você respirar quando coloca o pé direito no chão, ocorre um aumento de pressão no fígado.

11. Se o nariz está sangrando, faça pressão com o dedo: 
Se você deitar poderá se afogar com a volta do sangue, por isso é melhor apertar com o dedo o lado do nariz que está sangrando.

12. Se está nervoso, controle o seu batimento cardíaco: 
Coloque o polegar na boca e assopre, isso irá ajudar o coração a parar de bater tão rápido, a partir da respiração.

13. Para aliviar a dor de cabeça quando você bebe água muito fria: 
Ao beber algo congelado, ocorre um brusco resfriar no paladar e o cérebro interpreta. Coloque a sua língua no palato para voltar à temperatura normal.

14. Previna-se do cansaço e da falta de visão quando você está na frente do computador: 
Quando você coloca seus olhos em um objeto próximo, como na tela de seu computador, a vista fica cansada e falha. Para evitar, feche os olhos, contraia o corpo e prenda a respiração por um momento. Em seguida, relaxe completamente. É um santo remédio.

15. Se seus pés, braços e mãos adormecem (formigamento): 
Quando isso acontece,  vire a cabeça para o outro lado e a sensação vai passar em menos de 1 minuto. Os membros superiores adormecem devido à pressão sobre o pescoço. E se for uma perna ou o pé, procure caminhar por alguns segundos.
http://bit.ly/1ktbCJ6

16. Método fácil para prender a respiração debaixo d'água: 
Antes de mergulhar, faça muitas, rápidas e fortes respirações para fazer o ácido do sangue desaparecer, como se estivesse com a sensação de afogamento.

17. Para memorizar textos
Qualquer coisa que você ler antes de dormir é mais fácil de lembrar.

Quando alguém compartilha algo de valor, você se beneficia. 

Então você tem a obrigação moral de compartilhar com os outros.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

25 de Julho: o dia fora do tempo _ 26 de Julho: Ano Novo Maya _ Calendário da Paz

Uma vez que somos Energia e tudo é Energia numa vibração sinergética fluindo da mesma Fonte de Poder Criativo Inteligente, vale "vibramorar" esse momento especial: 
PERÍODO ENTRE OS DIAS 23 E 26 DE JULHO.
Nesse período ocorre, segundo os Mayas, o fechamento do ciclo de 13 luas de 28 dias, identificado no calendário Maya, segundo estudos realizados por José Argüelles.
Ele decifrou o calendário Maya.
E identificou o sistema de contagem do tempo baseado nos movimentos do nosso Sistema Solar em relação à nossa Galáxia. 
O calendário Maya entende o tempo a partir de CICLOS GALÁCTICOS composto de 13 luas de 28 dias, uma medida de exatidão biológica da órbita do nosso planeta ao redor da sua estrela, o Sol. 
Seria este um padrão de medida perfeito, que coordena e sincroniza as fases da Lua com os ciclos galácticos e o tempo. 
Argüelles propôs a retomada de um calendário baseado nos ciclos da natureza Universal: o 
CALENDÁRIO DA PAZ.
Esse calendário atualmente chama-se de 
SINCRONÁRIO DA PAZ.
Acreditando que quando a Humanidade reassumir a contagem natural de tempo (numa frequência natural 13:20), cada Ser na terra se realinhará com a natureza e sua constante transformação, assim como com o seu verdadeiro Ser. 
Em consequência, a Paz se fará em toda a Terra.
E estaremos conectados com os ciclos naturais da Galáxia.
Eis o link e o vídeo para sua meditação para trabalhar-se na conexão com a

Estes CICLOS GALÁCTICOS completam-se após 364 dias, terminando no dia 24 de julho. 
Um novo ciclo inicia-se em 26 de julho. 
Em 26 de Julho recomeçamos um novo ciclo com o nascimento astronômico de Sirius, que se eleva no horizonte junto com o Sol, trazendo uma energia de limpeza e purificação interior, trabalhando sutilmente nossos corpos sutis, principalmente o emocional.
E O DIA 25 DE JULHO? 
25 de julho é o DIA FORA DO TEMPO.
No Calendário de 13 Luas, este dia não é dia de mês nem dia de semana. Está entre o dia que fecha um ano (24 de Julho) e o dia que abre o ano seguinte (26 de Julho).
Para aqueles que seguem a frequência natural 13:20 da Lei do Tempo, o Dia Fora do Tempo é um dia muito importante, pois está entre o fim e o início de um ciclo galáctico de 364 dias. 
Segundo os antigos Mayas, o Dia Fora do Tempo manifesta uma maior conexão com a Essência Geradora de Vida.
Os Mayas paravam suas atividades para orar, meditar e receber a orientação interior. 
Dedicavam-se, também, a perceber os próximos passos a serem dados no Caminho em direção ao Pai. 
Sendo assim, o dia 25 de julho é um dia para recolher-se e refletir. 
Um dia para vibramorar a Evolução Espiritual da Humanidade. 
Um dia de pausa no tempo.
Um dia para que todos os Seres Humanos possam “ter tempo” para reconectarem-se com o próprio centro individual, com o Centro Galáctico, com a Sincronicidade Universal e com a Harmonia Cósmica.
Um dia para meditar e vibrar pela Terra e por toda a Humanidade. 
Um dia para reciclar, recomeçar, recarregar as energias, liberar o que já não nos serve mais e para agradecer por tudo o que foi recebido no período anterior em todos os aspectos. 
Conta-se que os Mayas comemoravam este dia em festa, fazendo um “fechamento” do ciclo anterior, preparando-se para o novo ciclo.
É um dia dedicado ao Amor, à Arte, à Gratidão, à Perfeição e ao Perdão.
E OS DIAS 23 E 24 DE JULHO?
Os dias 23 e 24, que antecedem o dia-fora-do-tempo, são propícios para meditação, transformação e renovação, sobre o que devemos jogar fora, abandonar e, ao mesmo tempo, buscar na essência o que vale a pena construirmos e consolidarmos em nossas vidas para o próximo ano!
Energia do Dia - 23/07 é a do Dragão Planetário Vermelho - Kin 101
Em sua meditação fale a mensagem:
    Eu aperfeiçoo com o fim de nutrir
    Eu selo a entrada do nascimento
    Com o tom planetário da manifestação
    Produzindo o ser
    Eu sou guiado pelo poder da água universal
Energia do Dia - 24/07 é a do Vento Espectral Branco - Kin 102
Em sua meditação fale a mensagem:
    Eu dissolvo com o fim de comunicar
    Libertando o alento
    Eu selo a entrada do espírito
    Com o tom espectral da liberação
    Eu sou guiado pelo meu próprio poder duplicado (espírito)
Se você acredita que realmente é Energia Divina Quântica, aproveite esse momento para vibramorar dentro de Seu ser.
Isso vai lhe ajudar a compreender e se identificar com outras milhares de pessoas, assim como eu, que acreditam no Poder do Amor como o mais poderoso e gerador de riquezas, prosperidade e abundância, sempre,
Abaixo está o link e o vídeo para que possa realizar sua meditação, cuja mensagem transcrevo:
    Visualizando a face do octaedro
    A coluna de Luz central
    Os dois tubos de fluxos
    Os movimentos dos átomos do tempo
    Parecem projetar a Ponte do Arco-Iris

Feliz Ano Novo!!!
Namaste, Axé, Syn!, Amém

PS: Segue abaixo mais informações sobre a Meditação Ponte Arco-Iris, para que possa entender e ajudar em seu trabalho de crescimento de consciência cósmica divina, que tanto pode fazer sozinho como em grupo:
    Se estiver em grupo, façam um círculo, se possível sentados no chão com as pernas cruzadas. 
Respire profundamente algumas vezes inalando o que for negativo, transmutando-o dentro de si exalando o que for positivo e purificado. 
Depois feche os olhos. 
Visualize que está no centro da Terra e visualize o núcleo gigante de cristal octaedro. 
Quatro faces do cristal têm a terminação em ponta na direção do eixo polar Norte. 
As outras quatro reúnem-se num ponto alinhado com o eixo polar Sul. 
Em volta do cristal octaedro gigante está a membrana interior da Terra, como um tambor ressoando na superfície da parte externa da Terra. 
A metade do Norte do cristal tem duas faces vermelhas e duas brancas; a metade do Sul tem duas faces azuis e duas amarelas.
Agora entre no cristal. 
No centro deste cristal gigante há um ponto intensamente fulgurante de luz branca. 
Uma coluna ou eixo etérico de luz estende-se de Norte a Sul, do ponto central fulgurante, pelas extremidades do octaedro indo para os pólos Norte e Sul no exterior da Terra. 
Ao redor deste eixo vertical etérico, magnético, de luz existem dois tubos de fluxos entrelaçados pelos quais a energia plasmática passa continuamente. Movendo-se em espiral em torno de cada um, como duas hastes de DNA, os tubos de fluxo têm a cor azul e vermelha. 
Estes emitem plasma – íons carregados eletricamente – para o ponto fulgurante no centro da Terra.
Em sequência, ao redor do lado do eixo Norte dessa coluna de luz, com os dois tubos de fluxos entrelaçados, está o átomo de tempo vermelho. 
Ao redor do eixo Sul de luz está o átomo de tempo azul. 
Os átomos polares de tempo vermelho e azul giram em direções opostas: o átomo de tempo vermelho do lado Norte gira na direção horária e o átomo de tempo azul do lado Sul na direção anti-horária. 
Os átomos de tempo consistem de sete pontos: 
um ponto central, 
dois pontos em cada extremidade do eixo vertical, 
e dois pontos cada – quatro pontos no total – equidistantes de cada um em cada lado do eixo central. 
Os seis pontos exteriores dos átomos de tempo têm quase o formato hexagonal, de uma figura de seis lados.
O plano gravitacional do cristal octaedro emana horizontalmente do centro luminoso fulgurante do cristal, estendendo-se para os quatro pontos que marcam as pontas do cristal onde se encontram as quatro faces do lado Norte e as quatro faces do lado Sul. 
O plano gravitacional que liga estes quatro pontos é como a base de duas pirâmides – uma pirâmide estende-se dessa base com quatro faces para o ponto Norte do octaedro e as outras quatro faces para o ponto Sul. 
Ao longo desse plano gravitacional, estão mais dois átomos de tempo, exatamente em oposição um ao outro: um branco e outro amarelo. 
Estes dois átomos de tempo gravitacionais têm exatamente a mesma construção dos átomos de tempo polares, vermelho e azul, exceto que os seus dois pontos axiais estão alinhados com o plano gravitacional, margeando os seus lados como estavam e perpendicular aos átomos de tempo polares. Estes átomos de tempo branco e amarelo giram como rodas de pá fazendo um movimento lento circular anti-horário, da esquerda para a direita, ao redor do ponto central da luminosidade fulgurante.
Uma vez que tenha visualizado o núcleo de cristal octaedro da Terra com as suas oito faces, os quatro átomos de tempo, a coluna etérica de luz e os dois tubos de fluxo, então visualize que do centro do cristal uma corrente de luz multicolorida preenchida de plasma se projeta para ambas as direções dos dois pólos da Terra. 
Agora dirija-se do centro da Terra para um ponto fora no espaço de onde pode ver toda a Terra. 
Enquanto vê o cristal octaedro no centro da Terra nos pólos Norte e Sul a corrente de luz projeta-se para fora para se tornar uma grande e dupla ponte de arco-íris – o alternador do dia e o alternador da noite do campo magnético da Terra que se faz visível. 
Duas correntes de arco-íris ligam os pólos Norte e Sul da Terra, exatamente a 180º graus distantes uma da outra. 
À medida que a Terra gira lentamente ao redor do seu eixo, esta ponte de arco-íris mantém-se firme, constante e imóvel.
Quando completar esta visualização pegue em toda a Terra girando sob a ponte de arco-íris e coloque-a no seu coração. 
Imagine as duas correntes de luz projetando-se pela sua coluna vertebral, acima da sua cabeça e abaixo dos seus pés. 
Agora elas formam uma ponte de arco-íris semelhante, ao redor do seu corpo, alinhando a sua aura. 
Agora a Terra e você são um.
A Ponte de Arco-Íris da Paz Mundial é real. 
Existe uma ciência por trás de tudo isto. 
O que existe primeiro na imaginação, sendo visualizado por um número suficiente de pessoas, numa onda telepática de amor, no devido tempo se tornará realidade.
Fontes:
STUM _ Tania Rezende em 
http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=35407 
STUM _ Claudette Graziottin em 
http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=01793
CASA ÍNDIGO em
http://www.casa-indigo.com/artigos/medita_ponte_arcoiris.asp

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...